.

Seguidores

Translate

30 junho 2009

Photobucket


Jesus veio e voltará - Peter Malgo

Quando Deus se tornou homem em Seu Filho Jesus Cristo, o Eterno realizou o Seu maior ato depois da criação, ato que teve as maiores conseqüências para o mundo todo. Os acontecimentos daquele tempo – o Natal, o nascimento de Jesus Cristo – são tão extraordinários, tão magníficos que, por assim dizer, o tempo parou. Toda a humanidade começou a contar o tempo outra vez, iniciando com o nascimento de Cristo. Desse modo, ela testificou: É verdade, nasceu Jesus, o Salvador do mundo. Hoje, já vivemos 2000 anos depois desse grandioso acontecimento. Naquela ocasião, por um momento, as leis da natureza foram colocadas numa nova dimensão de maneira sublime, excelsa, pela intervenção de Deus. A virgem Maria teve um filho pelo Espírito Santo, e a estrela de Belém apareceu no céu.

PhotobucketPhotobucket

Embora esses acontecimentos do Plano de Salvação já tivessem sido anunciados de diversas maneiras pelos profetas muitos anos antes, a humanidade não notou o que realmente estava acontecendo. Nem o próprio noivo de Maria imaginava que o Filho de Deus estava a ponto de se tornar homem. Em Mateus 1.18-19 está escrito: "Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: estando Maria, sua mãe, desposada com José, sem que tivessem antes coabitado, achou-se grávida pelo Espírito Santo. Mas José, seu esposo, sendo justo e não a querendo infamar, resolveu deixá-la secretamente". Apesar da sua piedade e retidão, José não reconheceu a situação e em pensamento até ia sendo levado por caminhos errados, pois ele "...resolveu deixá-la secretamente". Então o próprio Deus interferiu por meio de um de Seus anjos e mudou as intenções de José (v. 20). Depois dos fatos já terem acontecido, é fácil ler esse relato e dizer: Como pôde acontecer que um homem piedoso e temente a Deus não tenha reconhecido que o nascimento de Jesus Cristo estava se aproximando? Será que ele não se interessou o suficiente pela iminente vinda do Salvador?

Natal – a primeira vinda de Jesus. Hoje estamos diante da segunda vinda. Quantos cristãos religiosos festejam o Natal, mas estão cegos para a realidade de que Jesus voltará em breve. O Natal continuará sendo apenas uma festa do passado se não esperarmos pela segunda vinda do Senhor. Exatamente como da primeira vez que Jesus veio a esta terra, os eventos da natureza não poderão ser explicados quando Ele voltar. O arrebatamento – quando o Senhor vier ao encontro dos Seus nas nuvens e os buscar para Si (1 Ts 4.16-17) – somente pode ser compreendido pela fé, pois excede o nosso entendimento. Por isso uma grande parte da cristandade religiosa e dedicada dos dias de hoje não perceberá a vinda do Senhor Jesus, pois não reconhece o que a Bíblia diz sobre esse acontecimento. Sem a realidade da volta de Jesus, porém, que sentido teria a afirmação de Paulo quando ele diz a respeito da transformação e do arrebatamento: "Consolai-vos, pois, uns aos outros com estas palavras"? Portanto, não comemoremos o Natal apenas como uma festa do nascimento de Jesus Cristo que já aconteceu há muito tempo, mas também nos consolemos com o fato de que Ele voltará em breve. (Peter Malgo)



Photobucket



Profecias

Por que Jesus derramou Seu sangue na cruz?

"Porque a vida da carne está no sangue. Eu vo-lo tenho dado sobre o altar, para fazer expiação pela vossa alma, porquanto é o sangue que fará expiação [um sacrifício que paga a culpa] em virtude da vida" (Levítico 17.11).

"Com efeito, quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e, sem derramamento de sangue, não há remissão [perdão dos pecados]" (Hebreus 9.22).

Por que a crucificação foi tão traumática?

"Certamente, ele [Jesus] tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus e oprimido. Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões [pecados] e moído pelas nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados" (Isaías 53.4-5).

De quem foram os pecados que pregaram Jesus na cruz?

"Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo caminho, mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniqüidade [pecado] de nós todos" (Isaías 53.6).

A morte brutal de Cristo foi profetizada?

"Como pasmaram muitos à vista dele [Jesus] (pois o seu aspecto estava mui desfigurado, mais do que o de outro qualquer, e a sua aparência, mais do que a dos outros filhos dos homens)" (Isaías 52.14).

Photobucket


Obediência


Por que a crucificação de Cristo foi necessária?

"E do modo por que Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do Homem seja levantado [na cruz], para que todo o que nele crê tenha a vida eterna" (João 3.14-15).

O que Jesus quis dizer ao clamar "Está consumado!"?

"Quando, porém, veio Cristo como sumo sacerdote dos bens já realizados, mediante o maior e mais perfeito tabernáculo [templo], não feito por mãos, quer dizer, não desta criação, não por meio de sangue de bodes e de bezerros, mas pelo seu próprio sangue, entrou no Santo dos Santos, uma vez por todas, tendo obtido eterna redenção" (Hebreus 9.11-12).

Jesus é o único caminho para Deus?

"Respondeu-lhe Jesus. Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim" (João 14.6).

O que Deus pensou da crucificação do Seu Filho?

"Todavia, ao SENHOR agradou moê-lo, fazendo-o enfermar; quando der ele a sua alma como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade e prolongará os seus dias; e a vontade do SENHOR prosperará nas suas mãos" (Isaías 53.10).

Perdão

Qual foi o resultado do derramamento do sangue de Jesus?

"No qual [em Jesus] temos a redenção [resgate da culpa do pecado], pelo seu sangue, a remissão dos pecados, segundo a riqueza da sua graça" (Efésios 1.7).

Por que a crucificação de Cristo é importante?

"Pois também Cristo morreu, uma única vez, pelos pecados, o justo pelos injustos, para conduzir-vos a Deus; morto, sim, na carne, mas vivificado no espírito" (1 Pedro 3.18).

O sacrifício individual de Cristo é suficiente?

"E ele [Jesus] é a propiciação [satisfação da justiça de Deus] pelos nossos pecados e não somente pelos nossos próprios, mas ainda pelos do mundo inteiro" (1 João 2.2).

O sacrifício de Cristo deve ser repetido?

"Assim também Cristo, tendo-se oferecido uma vez para sempre para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o aguardam para a salvação" (Hebreus 9.28).

Por que a cruz provoca divisões?

"Certamente, a palavra da cruz é loucura para os que se perdem, mas para nós, que somos salvos, poder de Deus" (1 Coríntios 1.18).

Sua resposta

Qual será a sua decisão em relação a Jesus?

Essa é uma pergunta que apenas você pode responder. Deus lhe dá o privilégio de conhecer Seu plano completo de salvação. Ele lhe oferece a vida eterna através daquilo que Jesus Cristo fez por você: Ele morreu [pelos seus pecados], foi sepultado e ressuscitou [para lhe dar nova vida]. Você admite humilde e submissamente diante de Deus que necessita de Jesus Cristo em sua vida?

"Pelo que também Deus o exaltou sobremaneira e lhe deu o nome que está acima de todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para glória de Deus Pai" (Filipenses 2.9-11).

Como você pode responder a Jesus?

Volte (arrependa-se): "Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados" (Atos 3.19).

Confie (creia): "Responderam-lhe: Crê no Senhor Jesus e serás salvo, tu e tua casa" (Atos 16.31).

Receba (obedeça): "Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que crêem no seu nome" (João 1.12). www.ajesus.com.br
Photobucket

A importância da Bíblia

Encontramo-nos em meio ao cumprimento de profecias bíblicas e assistimos continuamente à realização do que foi predito há muito tempo atrás nas Escrituras. Por essa razão quero chamar a atenção para a importância e o poder renovador da Palavra de Deus. Em uma de minhas viagens veio-me às mãos o texto a seguir, que passo aos leitores:

"Disse, pois, Jesus aos judeus que haviam crido nele: Se vós permanecerdes na minha palavra, sois verdadeiramente meus discípulos" (Jo 8.31). – "Grande paz têm os que amam a tua lei; para eles não há tropeço" (Sl 119.165).

Esse é o segredo do discipulado no dia-a-dia, na rotina cristã cotidiana. Isso é sabido e conhecido há séculos, mas é preciso repetir e ensinar a cada nova geração essa verdade tão simples mas fundamental para uma vida cristã bem-sucedida. A melhor maneira de estudar a Bíblia é simplesmente lendo-a atentamente todos os dias, expondo-se em oração à luz do Senhor que dela procede, meditando em suas palavras e prosseguindo com a leitura.

A Bíblia produz efeito por si mesma de maneira sobrenatural: através da ação do Espírito Santo, suas palavras, suas expressões e seus ensinamentos moldam nosso comportamento e nossos pensamentos, de modo que passamos a refletir o caráter de Deus e de Seu Filho Jesus Cristo em nossa maneira de viver. Assim, somos influenciados até às profundezas de nosso ser.

Não, não há nada surpreendente nesse processo. Tudo é incrivelmente simples – mas funciona! E é dessa forma que aumenta nosso conhecimento bíblico e passamos a viver diariamente segundo os ensinos da Palavra de Deus.

Quando um recém-convertido fica admirado diante do grande conhecimento bíblico de alguém que já é cristão há mais tempo, talvez não saiba que se trata simplesmente do fruto da aplicação persistente do mais simples de todos os métodos: a leitura do Livro dia após dia, o que torna seu conteúdo cada vez mais familiar.

Devemos também enfatizar constantemente que a Bíblia é nossa "única regra de fé e prática". Nenhuma experiência ou revelação tem qualquer valor se não houver claro fundamento bíblico.

Além da leitura da Bíblia, há também muitos livros e publicações que são um grande auxílio para se compreendê-la melhor. Entretanto, qualquer afirmação ou interpretação, mesmo que proceda de grandes pregadores ou destacados líderes, deve ser verificada e confrontada com a própria Palavra de Deus. Em Atos 17.11 temos o conhecido exemplo dos bereanos, que avaliavam à luz das Escrituras até mesmo o que o grande apóstolo Paulo lhes tinha dito – e são elogiados por isso: "Ora, estes de Beréia eram mais nobres que os de Tessalônica; pois receberam a palavra com toda a avidez, examinando as Escrituras todos os dias para ver se as coisas eram, de fato, assim." (Norbert Lieth - www.aJesus.com.br)


Photobucket

ELE ESTÁ ESPERANDO

Meditação:
Busquei o Senhor, e Ele me respondeu. (Salmo 34:4)
Pensamento: Fale com Deus – Ele anseia ouvir algo de você
Leitura: Salmo 34:1-15

Mensagem:
Jane Welsh, secretária do escritor escocês Thomas Carlyle (1795-1881), casou-se com ele e dedicou sua vida a ele e ao trabalho dele. Thomas a amava profundamente, mas estava tão ocupado com seus escritos e suas palestras que, freqüentemente, a negligenciava. Depois de algum tempo de casados ela ficou doente e morreu, repentinamente. Eu li numa biografia que, depois do funeral, Thomas foi sozinho ao quarto de Jane e olhou o diário da esposa. Ele encontrou estas palavras, que ela havia escrito a respeito dele: "Ontem ele gastou uma hora comigo e foi como o céu. Eu o amo tanto". Em um outro dia, ela escreveu: "Eu fiquei esperando o dia todo para ouvir os passos dele no corredor, mas agora é tarde. Acho que ele não virá hoje". Thomas chorou muito, percebeu a sua negligência para com ela e o desejo que ela tinha de pelo menos conversar com ele. Quando li isso, não pude deixar de pensar: Deus me ama de forma tão terna e espera por mim, a fim de ter comunhão comigo. Quantos dias eu me esqueço dele! O Senhor dá as boas-vindas à nossa adoração, oração e louvor. Ele nos disse na sua Palavra para orarmos continuamente (1 Tessalonicenses 5:17). Assim como no caso da igreja em Laodicéia, em Apocalipse 3, Cristo bate na porta do nosso coração e espera pacientemente (v. 20). Ele aguarda atentamente pelo nosso chamado, nosso choro, nossa oração. Quantas vezes ele espera em vão?


Fonte: David C. Egner - Nosso Andar Diário




Photobucket

Photobucket

Photobucket
Deus o ama e oferece um plano maravilhoso para sua vida.

O AMOR DE DEUS

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha vida eterna" (João 3:16)
" Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância" (João 10:10)
Infelizmente, saber que Deus o ama e tem um plano maravilhoso ao seu dispor não é suficiente. Há certas coisas que nos impedem de experimentar o amor de Deus.
O homem é pecador, e separado está de Deus.
Por causa disso, ele não pode conhecer nem experimentar o amor de Deus e o plano que Deus Tem Para a vida dele.

Photobucket
O HOMEM É PECADOR

"Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus" (Romanos 3:23)
O homem foi criado para ter comunhão com Deus. Deus quer que você tenha comunhão e amizade íntima com Ele; o mesmo tipo de comunhão e amizade que Adão e Eva tinham com Deus no Jardim do Édem, antes do pecado entrar no mundo. Ali, aqueles dois amigos de Deus conversavam com Ele ao fim da tarde, falando diretamente com seu Criador, como filhos falavam com seu pai.
Infelizmente, Adão e Eva decidiram traçar seu próprio caminho, ao invés de seguirem o caminho de Deus. Romperam sua amizade com Deus e, desde então, o homem tem escolhido seguir seu caminho independente de Deus. Às vezes, essa vontade própria toma a forma de uma rebeldia aberta contra Deus e Suas leis. Às vezes, ela se expressa uma indiferença passiva para com Deus. Seja qual for a forma que apareça, este exercício da vontade humana independente de Deus é aquilo que a Bíblia chama de PECADO.

O HOMEM ESTÁ SEPARADO

"Porque o salário do pecado é a morte" - separação espiritual de Deus. (Romanos 6:23).
Deus é Santo e o homem é pecador. Um grande abismo os separa. O homem continuamente busca chegar a Deus e a uma vida cheia de significado através de seus próprios esforços, coisas como viver uma vida decente, adotar uma certa filosofia ou até mesmo praticar uma religião.
Jesus Cristo é a unica provisão, feita por Deus, para o pecado do homem.
Através dEle pode conhecer e experimentar o amor de Deus e o Seu plano para sua vida.
ELE MORREU EM NOSSO LUGAR
"Mas Deus prova o Seu próprio amor para conosco, pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores" (Romanos 5:8).
Photobucket
ELE RESSUSCITOU DOS MORTOS

"... Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, e que foi sepultado, e ressuscitou ao terceiro dia, seguundo as Escrituras. E apareceu a Cefas, e, depois, aos doze. Depois foi visto por mais de quinhentos irmãos de uma só vez..." ( I Coríntios 15:3,6)

ELE É O ÚNICO CAMINHO PARA DEUS

"Respondeu-lhes Jesus: Eu sou O caminho, e A verdade, e A vida; ninguém vem ao Pai senão por Mim" (João 14:6).
Precisamos, individualmente, receber ao Senhor Jesus Cristo como nosso Salvador. Então, só então, poderemos conhecer e experimentar o amor de Deus e o seu plano para nossa vida.

Photobucket
PRECISAMOS RECEBER A CRISTO


" Mas a todos quantos O receberam(receberam a Jesus), (Deus) deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus: aos que creêm no seu nome" (João 1:12)

PRECISAMOS RECEBER CRISTO MEDIANTE A FÉ

" Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie" (Efésios 2:8,9)
Photobucket

QUANDO RECEBEMOS A CRISTO, EXPERIMENTAMOS UM NOVO NASCIMENTO

" A isto respondeu Jesus: Em verdade , em verdade vos digo que se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus (João 3-3).

Photobucket
RECEBEMOS A CRISTO POR UM CONVITE PESSOAL

"Eis que estou a porta, e bato se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e cearei com ele e ele comigo"(Apocalípse 3-20)
Receber a Cristo significa voltar-mos para Ele. Para fazer isso, é preciso voltar as costas ao nosso pecado. Não somos capazes de fazer isso por nossos próprios esforços. O que precisamos fazer é no dispormos a abandonar o pecado e entregarmos a Cristo o direito e controle sobre nossa vida. Então, expressando nossa fé (nossa confiança pessoal nEle), convidamos a Jesus a entrar em nossa vida e ser Senhor dela. Embora isso pareça muito difícil, é de fato algo bem simples. Tudo o que você tem a fazer, por um ato da sua própria vontade, é dizer: "Jesus, quero que assuma o controle de minha vida".
Se este é o seu verdadeiro e sincero desejo, Jesus o fará.
Photobucket
COMO VOCÊ PODE RECEBER A JESUS CRISTO

Quando você pára e pensa que o homem foi criado por Deus com um propósito-o de ter comunhão com Ele, é lógico e simples deduzir que o maior propósito de Deus para você é ver restaurada essa comunhão.
Como é que isso acontece?
Acontece quando você aceita o filho de Deus, Jesus Cristo, como seu Senhor, aquele que irá de agora em diante, dirigir sua vida.Você poderá perguntar: "Isso quer dizer que vou ter que me filiar a alguma igreja?" E as coisas erradas que faço? Não tenho que parar de faze-las para então ser ser digno de ter comunhão com Deus? "Eu já fiz muita coisa ruim. Não acredito que Deus vá me receber do jeito que sou. Não tenho que fazer alguma coisa antes dEle me receber?
"Vamos deixar essas perguntas de lado por enquanto, porque elas agora não fazem a menor diferênça. Todas se baseiam na idéiade que você precisa fazer alguma coisa para que Deus o receba.
Voce se lembras do versículo que observamos a pouco, no livro de Efésios? Ele mostrava que nosso relacionamento com Deus não é obtido (por obras), mas é um (dom de Deus). Nenhum de nós jamais poderia conquistar ou merecer o perdão e o amor de Deus. Ele, porém, o coloca gratuitamente à disposição de qualquer pessoa que deixe confiar em suas boas obras e em seus esforços e DEPENDA EXCLUSIVAMENTE de Jesus Cristo para salvação eterna para sua vida.
E o que é mais maravilhoso ainda, é que você nem precisa esperar que Deus o receba. Ele é que está esperando que você O receba.
Veja como faze-lo.
Se você entendeu, procure um lugar onde ficar a sós e diga a Deus que crê nEle que não pode mais viver sem Ele e que você agora recebe a Jesus como seu Salvador e que, daqui em diante, deseja que Ele assuma o trono de sua vida. Segue-se uma oração simples que você pode utilizar, se entender que ela expressa o seu desejo genuíno. Se você a dizer na sinceridade do seu coração, Deus ouvirá - e Jesus entrará em sua vida para ser o Senhor.
Então ore assim:
" Senhor Deus, tenho vivido a vida à minha maneira. Agora desejo vivê-la como o Senhor quer. preciso do Senhor e agora peço que assuma o controle de minha vida. Eu recebo o Seu Filho, Jesus Cristo, como meu Salvador, para que Ele seja Senhor da minha vida. Creio que Ele morreu por meus pecados e que ressuscitou dos mortos. Entrego-me a Ele como meu Senhor. Ajuda-me a viver da maneira que o Senhor quer."


É isso aí. simples. É lógico que há muita coisa maravilhosa para lhe acontecer, e é isso que escreverei daqui em diante.
É aqui porém que tudo começa, agora que voce recebeu a Cristo, e permitiu que Ele assumisse o trono de sua vida, deve esperar mudanças tremendas. Vamos conversar sobre esta mudança também, e sobre oque voce pode esperar dessa nova vida que começa hoje.
Como cidadão do Reino de Deus voce tem certos direitos e previlégios que antes não possuia. São coisas sensacionais, pois o verdadeiro cristianismo não é apenas uma questão de entregar; é também uma questão de receber dádivas maravilhosas que Jesus trás consigo quando assume lugar na vida de quem confia nEle. Na verdade, no momento que, através de sua fé pessoal nEle, recebeu a Cristo, muitas coisas aconteceram inclusive a seguinte:

primeiro- Cristo entrou na sua vida. Voce já viu esses carrinhos de controle remoto nas lojas de brinquedos?, parece que não vão funcionar, igual aos de verdade mas ao examinar a embalagem voce encontra um aviso: as pilhas não estão incluidas. sem as pilhas, por mais real que pareça, o carrinho não funciona. Voce foi feito à imagem de Deus, mas por causa de seu pecado as pilhas nunca funcionaram. Agora que Cristo perdoou seus pecados e entrou na sua vida, trouxe conSigo a sua força, o Seu poder.
Olhe com atenção as palavras de Jesus. " Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele comigo" (apocalipse 3:20).
Paulo fala da presença de Cristo em nós
dizendo: " Cristo em vós, a esperança da glória" (Colossenses 1:27). Isso é sensaconal! É a força de Deus em nós!


segundo- seus pecados foram perdoados. Veja a ilustração abaixo:
"Uma certa menina de três anos de idade, subiu na cômoda do quarto do pai e pegou um anél, como era pequenina demais, não sabia que fora seu avô que dera a seu pai. Não era um anél valioso, mas tinha muito significado sentimental para o pai. A menina brincou com o anél por algum tempo e depois jogou-o no vaso e deu descarga. No dia seguinte, quando o pai procurou o anél e perguntou se alguém tinha o visto, a menina disse-lhe que tinha jogado no vaso. O pai a castigou, mas mesmo depois do castigo não conseguia perdoá-la. O anél era mesmo muito valioso para ele.
Na tarde seguinte, o pai ao chegar do trabalho sentou-se para ler o jornal. quando levantou os olhos lá estava a menina com lágrimas rolando no rosto, e o irmão mais velho de seis anos de idade, que falou por ela.
"-Pai ela está arrependida por ter perdido o seu anél". Mas nós fizemos outro pra você hoje de tarde."
Ele estendeu a mão . Nela havia um anél, trançado com palha de pinheiro.
O pai tomou as duas crianças em seus braços e os apertou em seu peito, perdoando sua pequenina filha, nunca mais sentiu falta do seu velho anél, nem culpou-a pelo que fizera. Por causa da ação de seu irmão, ela foi perdoada. Totalmente".
Foi isto que Jesus fez por nós. Ele, diante de Deus, pagou o preço de nossos pecados. Por causa dEle, diz Paulo (colossenses 1:14), " temos a redenção, a remissão dos pecados".

terceiro- você se tornou um filho de Deus. De fato, a Bíblia diz que você tem os mesmos direitos do Filho de Deus, Jesus Cristo. Estes são direitos herdados, porque você é agora um herdeiro de Deus e co-herdeiro com Jesus Cristo. " A todos quantos O receberam deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus "(S.João 1:12), escreveu João, um dos biógrafos de Jesus.
Photobucket
Photobucket

Quarto- Você recebeu vida eterna. Isso pode não significar muito para você agora, mas será, no final das contas, a coisa mais importante ja lhe aconteceu. Vida eterna, além de significar pertecem à familia de Deus, significa que, pelo fato de ter Cristo morrido e ressuscitado dos mortos, vencendo a morte, você tambem viverá para sempre.
A morte é o pior inimigo do homem. É um mais profundo medo do homem. Agora, como filho de Deus, você não tem mais que temer a morte. A sepultura pode reter seu corpo, mas você viverá para sempre com Jesus Cristo no céu. "E o tesmunho é este, que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida esta no Seu Filho aquele que tem o Filho tem a vida; aquele que não tem o Filho de Deus não tem a vida. Estas cousas vos escrevi a fim de saberdes que tendes a vida eterna, a vós outros que credes em o nome do Filho de Deus" (I joão 5:11,13)
Finalmente você começou a grande aventura para a qual Deus o criou. Jesus "eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância" (s. João 10:10). A vida que Jesus lhe da não é apenas vida para depois da morte; é tambem uma vida plena, cheia de significado aqui na terra. Ele nos dá _agora_força para viver !
" Se alguém está em cristo ", nos diz Paulo, "é nova criatura: as cousas antigas já passaram; eis que se fizeram novas." (II coríntios 5:17.) Toda a verdadeira aventura existente no universso está agora à sua disposição, toda a alegria de estar no lado de quem já venceu a guerra, toda a sabedoria de Deus, toda a paz do céu _tudo isto é seu... e mais...por causa de Jesus.
Agora, antes de prosseguirmos, vamos parar um pouco e recordar aquelas quatro leis que o trouxeram a este novo relacionamento com Deus. Talvez você até ache útil escrever os quatro pontos em cartões e recordá-los regularmente_ até sabê-los de cór. Daí quando outros começarem a perguntar o que provocou mudanças tão maravilhosas em sua vida, você poderá compartilhar com eles essas mesmas leis.




Photobucket


Photobucket



Photobucket





Jerusalém
Sérgio Lopes

Jerusalém, em tuas ruas
Eu ouço a ecoar
O som da harpa de Davi
Minha alma a acalentar
Por entre as tuas oliveiras
O vento vem contar
Histórias da velha cidade
Que os muros vão guardar.
Jerusalém, Jerusalém
Beleza e cor de Israel
Tú és o orgulho do teu Deus
Emanuel.
Inda ouço em tuas ruas
O som da multidão
De peregrinos e amantes
Em busca de oblação
No Santo Templo e em tuas
Fontes
Se encontrava a paz
Jerusalém quem te conhece
Não te esquece mais.
Jerusalém, em tuas preces
Lembra dos filhos teus
Que ainda não te conheceram
Mas amam o teu Deus
São velhos, jovens e meninos
Distantes do seu lar
Que não pisaram tuas ruas
Mas vivem por te amar.

3 comentários:

  1. Bella página, muitas bênçãos do Uruguai.

    ResponderExcluir
  2. Acabei de encontrar seu blog, e gostei do tema, estamos vivendo tempos finais e difíceis, portanto, é necessário que pessoas se levantem para anunciar a salvação
    através de Jesus Cristo.
    Atalaiar é a ordem nos últimos dias da Igreja de Cristo.
    Deus o abençoe!
    E continue nesta missão que Jesus lhe concedeu.

    A propósito, caso ainda não esteja seguindo o meu blog deixo aqui o convite, acesse o link abaixo:

    Fruto do Espírito

    Minha Fan Page

    P.S. Convido a conhecer o blog do irmão J.C.de Araújo Jorge.
    Mensagens atuais, algumas polêmicas, porém abençoadoras...
    Acesse e confira:
    Discípulo de Cristo

    Em Cristo,
    ***Lucy***

    ResponderExcluir
  3. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir

Eu também sou,Você é ?

Photobucket Photobucket
Visitor Map
Create your own visitor map!
Você é o visitante N°
counter free